Ninguém quer o Gaúcho

Várias enquetes foram realizadas em portais e redes sociais durante o dia, abordando o mesmo tema: “Você gostaria de ver Ronaldinho no seu time?”

Em praticamente todas as pesquisas, maioria esmagadora respondeu “Não”.

Na nossa enquete, 85% dos votos disseram Não a Ronaldinho Gaúcho.

O torcedor não perdoa as condutas do atleta. Dentro e fora de campo.

E principalmente fora de campo.

Ilude-se quem acredita que a vida desregrada fora de campo não interfere no desempenho do atleta.

Equivocadamente usam Sócrates como exemplo, esquecendo-se que Sócrates era um gênio, diferenciado e atuou numa época em que o futebol era mais cadenciado, tempos de talentos como Pita, Ailton Lira, Zico e muitos outros.

O futebol praticado hoje em dia, à base da correria e da forte marcação, não permite que atletas indisciplinados no quesito condição física se enquadrem neste contexto.

Como imaginar Ronaldinho Gaúcho, por exemplo, neste time corinthiano treinado por Tite?

Onde todos correm, desdobram-se na marcação -Liedson está ai pra ninguém contestar a tese – marcam, apoiam, fazem de tudo dentro de campo.

Não, Ronaldinho não teria lugar neste time. Nem neste grupo, que está unido e fechado e sabe conduzir muito bem internamente todas as questões, inclusive as mais nevrálgicas, como nos casos de Chicão e recentemente, Julio Cesar, em que pesem seus afastamentos tenham ocorrido por motivos distintos.

Eu gostaria de ver um jogador talentoso neste time. Sentimos a falta disso. Ou não?

Não temos um diferenciado, nosso grupo é quase homogêneo, porém, mais que um diferenciado, carecemos de um fazedor de gols.

Ronaldinho sabe fazer gols. Mas na sua atual condição, jamais se desdobraria a ponto de correr e marcar.

Andres Sanches, quando presidente, abriu as portas do clube para os irmãos Assis.

Mas sob nova direção, a chance de figuras emblemáticas como Ronaldinho chegarem ao clube é praticamente zero.

E continuaremos precisando de um fazedor de gols.

Assunto Ronaldinho enterrado, voltemos a vaca fria: Precisamos de um fazedor de gols.

Rodrigo Vessoni, repórter do Lance, especulou ontem o interesse do clube no atacante do Lanus, Mariano Pavone.

Não vejo nada demais neste atacante trombador, de área de pouca habilidade, que até faz seus golzinhos.

Mas com estas características, porque não apostar em Douglas, hoje no Parana Clube?

Anúncios

36 Responses to Ninguém quer o Gaúcho

  1. Rogério disse:

    Silvinho, de 2006 pra cá o que vemos é uma alma penada em campo, porque aquele Ronaldinho morreu faz tempo. Ainda bem que o Andrés não contratou.

    Curtir

  2. Rogério disse:

    Silvinho, tá na hora do Sr. Mário Gobbi fazer valer o seu discurso de olhar a base com mais carinho e cobrar do Tite o uso de mais garotos. Há jogadores de muito futuro como Denner, Anderson, Matheuzinho, Giovane, Paulinho, Leonardo, mas ainda continuam sem espaço. A comissão técnica tem preferência por jogadores como Guilherme, Adilson, Romarinho, e se fala em Pavone. Aos três que foram contratados, desejo muita sorte e torço para que tenham o mesmo sucesso do Leandro Castan, Paulinho, e num passado mais recente, Elias, Cristian, Chicão, André Santos, Douglas. Acho que passou da hora de parar com este tipo de contratação. O Narciso faz um belíssimo trabalho, aliás acho que ele deveria ser o treinador do time principal num futuro muito próximo. Por que não economizar dinheiro, aplicar na base, e contratar somente numa eventualidade. Precisamos muito de um cara diferenciado no ataque, que faça muitos gols. Está difícil pelo valor, o Carlitos seria o nome ideal para preencher esta lacuna. O Alexandre Pato em forma idem. O Nilmar seria uma boa alternativa. Infelizmente são caros, mas não é por isso que tem que apostar em dúvidas. Sendo assim, por que não usar a base?

    Curtir

  3. Corinthianismo e Credibilidade disse:

    Eu vi lances do jogo entre Palmeiras x Paraná, e não gostei desse Douglas não. Ele é do tipo trombador fazedor de gols, mais na minha opinião precisa evoluir bastante para vestir a camisa do Coringão.

    Curtir

  4. Fabio Venancio disse:

    O ranzinza quer o ronaldinho na buchada,opa quer dizer peixada.
    Mais um ganhando mais de um milhão por lá,vão ter que vender toda a rataida para pagar as dívidas depois.

    Curtir

  5. NINO disse:

    Isso mesmo, Douglas( o rapaz emprestado ao Paraná) esse deveria ter chance de provar seu talento, agora Pavone não, tem de valorizar a base.

    Curtir

    • Randal disse:

      O cara é reserva no Paraná e você quer dar chance para o cara jogar onde ?

      Curtir

      • Rogério disse:

        O Douglas é da base, custo zero. Esse Pavone é do Lanus, e o custo não é zero. A diferença entre ambos está no prejuízo que o clube terá caso não deem certo. Por isso sou a favor de apostar na base. Contratar jogador de outro clube, só se for do nível Carlitos, ou alguém que tenha chamado muito mas muito a atenção de todos.

        Curtir

  6. Marcus disse:

    __Ronaldinho é fazedor de gols? nunca vi o Ronaldinho ser artilheiro de algum campeonato, nem vice, nem 3º lugar. Na verdade o Ronaldinho só teve 2 anos bem no Barcelona, fora isso, sempre fazia uma ou duas jogada de craque por ano.
    __ Já que o Ramon está praticamente certo com o Flamengo, pq não da uma chance ao Denner pra ve seu desempenho no Brasileiro ?

    Curtir

  7. paulomonteiro disse:

    Vessoni? kkk ontem ficou todo ofendidinho com a critica CORRETA sobre Liedson, defendeu o Adenorzinho e especulou no estilo Neto… e vamos ver se eel vai na proxima reuniao… vassalo….TU eu sei que vai pq é bão.

    Curtir

  8. Fernando disse:

    Silvinho, quais as razões que levaram o Corinthians a pagar ainda 1 milhão pro bebum vagabundo??

    Curtir

    • otavioserra disse:

      Pelo simples fato que o bebum podia sim conseguir os R$ 60 milhões, ainda mais nesse país que a justiça do trabalho privilegia o trabalhador sempre. Há um monte de casos de trabalhador safado que usa das leis para se dar bem e trabalhar que bom nada!!!

      Curtir

  9. Emerson disse:

    O Ronaldo também deu suas escapadas, mas nunca fugiu da responsabilidade, pelo contrário, já deu entrevistas dizendo para a imprensa criticá-lo por ter as costas quentes e deixar os mais novos em paz. O Fenômeno foi um gênio da bola e é incomparável. Nem Adriano nem R10 engraxam a sua chuteira. O R10 pode ir jogar no Porto Alegre FC (acho que é esse nome) o time do irmão dele lá no Sul. Ou então vai pra Arábia ou pros EUA ganhar dinheiro. Aquele Ronaldinho de 2004-2006 (antes da Copa) é apenas uma vaga lembrança.

    Curtir

  10. oplahdobeto disse:

    “Mas sob nova direção, a chance de figuras emblemáticas como Ronaldinho chegarem ao clube é praticamente zero.”

    Essa frase é temível. Quer dizer que é um fato consumado no PSJ que a política do Gobbi é não trazer grandes nomes?

    Curtir

    • Paulo disse:

      Acredito que o Gobbi tenha mais responsabilidade gerencial que o Andrés. Neste momento de construção do estádio, é do que precisamos. Estou começando a gostar do Gobbi. Acho que aquele episódio do “business” deturpou a imagem dele um pouco ( fiquei com uma péssima imagem a respeito, de diretor chegado num “esquema” com empresários – talvez por não conhecê-lo direito ). Espero não me decepcionar, mas, por ora, acredito que o espírito deva ser esse mesmo, de não trazer figurões, especialmente ex-jogadores em atividade retornando do exterior pra se aposentar em cima dos trouxas daqui. Prefiro um time de operários, pelo menos nesse sistema corrido e eficiente do Tite – embora, é óbvio, um centroavante efetivo fosse muito bem vindo, mesmo que não tão barato. Mas velhos não, pelamor! Ah sim, há informações contraditórias do tratamento que o Gobbi pretende dar à base. Vamos aguardar…

      Curtir

  11. Martelli disse:

    Silvinho, pelo amor de Deus. Você por acaso tem visto o Douglas jogando? O cara é horrível. Para fazer besteira trazo Bobo que está encostado no Cruzeiro que é um pouco menos ruím do que ele.

    Curtir

  12. Luís Carlos disse:

    Acho que o futebol não era mais cadenciado. A movimentação dos jogadores que era mais cadenciada. E era mais cadenciada justamente porque jogadores como Sócrates e Zico sabiam fazer a bola correr. Pra mim, não foi o entendimento tático do futebol que mudou. Foram os jogadores que estão sendo selecionados por tudo menos pelo futebol que mudaram o futebol.

    Pra mim, o Adriano sem problemas com contusão e sem problema com o peso, mesmo com toda sua irresponsabilidade fora-campo ainda tem lugar no futebol de hoje. O Romário quase não se mexia e era produtivo mesmo aos quarenta anos. O Zidane corria pouco também.

    O Ronaldinho não tem problema com peso nem com contusão como o Ronaldo e o Adriano. Ele não joga mais bola mesmo.

    Jogadores do tipo dele, com raras exceções (como o Edilson, por exemplo), têm prazo de validade. Aconteceu com o Robinho também. Está acontecendo com o Nilmar e com o Pato. Pode acontecer isso com o Neymar também. É bem provável.

    Pega o exemplo do Rincón. Lembro dele como um meia-atacante rápido e driblador que jogava pelas pontas. Os anos e as carnes foram se acumulando e ele virou um pangaré como qualquer outro. Ele percebeu isso e passou a atuar como volante. Conseguiu se adaptar a uma nova realidade e se deu bem. É o que o Ronaldinho precisa fazer. Só não sei se vai concordar em fazer.

    Quanto ao cara do Lanuz, concordo que é bem parecido com o Douglas.E bem mais velho. É bastante regular, mas nada fora do normal, acho eu.

    Se o Corinthians quiser um atacante argentino razoável mesmo, há o Mouche do Boca Júniors. É um cara novo, bastante regular, de boa técnica, raçudo e que apoia bem e faz gols. Não é nenhum craque, mas não fica muito tempo na Argentina não. Só que não é centroavante de área.

    Curtir

  13. AndersonII disse:

    Do Flamengo, já que estão desmanchando mesmo, eu tiraria o Leo Moura, o Vagner Love, e talvez o Deivid.
    Valeriam os investimentos.

    Curtir

  14. Carlos Amaral disse:

    Precisamos de um grande craque sem dúvida, mas entrar em desespero para consegui-lo me faz lembrar nossa história nos anos 60. Foram muitas as tentativas, sendo que o Garrincha foi a mais desesperada delas. E de onde veio nosso grande craque na época? Sim,das divisões de base, nosso Reizinho Rivelino. Rivelino infelizmente não foi campeão de um grande campeonato pelo Corinthians mas foi resposável direto pela formação de uma legião de fãs(eu inclusive). Então, enquanto garimpamos nosso “Terrão”, que tomemos muito cuidado para a contratação desse jogador diferenciado que precisamos. O time da Paty Amorim tem agora uma bucha de R$ 40 milhões na mão por pura irresponsabilidade administrativa.

    Curtir

  15. Wilson Timão disse:

    Coloquei este texto no post anterior:

    “Está virando praxe. Jogos do Corinthians como visitante, torcedor achacado, roubado espoliado!

    A Ponte Preta original já havia achacado o torcedor Corinthiano aumentando o preço dos ingressos para visitantes na semi-final do Campeonato Paulista e aqui não houve recíproca. Até o Nacional do Uruguai já sabe que aqui só tem bonzinho. Agora a Ponte Preta da baixada faz o mesmo.

    Pergunta: O Corinthians vai continuar sendo o bonzinho ou bobalhão e deixar os adversários pagando preço mínimo para adquirir sua cota de ingressos?

    Não seria agora o caso de colocar os ingressos para os torcedores adversários pelo maior preço permitido por lei? Se a lei permitir que se coloque os ingressos à R$ 800,00, que se coloquem os ingressos a R$ 800,00.

    Quando o adversário agir com dignidade, agiremos com dignidade. Quando o adversário for canalha, que beba do mesmo veneno.

    E quando jogar em outros estados e nossa torcida só entrar no intervalo do jogo, fato que ocorre principalmente no Rio de Janeiro. Já deixa avisado que os portões para esse adversário só serão abertos no intervalo do jogo.

    Chega de espezinhado e agir como otário”.

    O amigo Alvaro disse:

    “Wilson, infelizmente a lei não permite, podemos cobrar do santos o mesmo vamos que sera cobrado na fiel no setor de arquibancada”.

    O clube da baixada colocou o ingresso a R$ 120,00 e está dando 50% de desconto para seus torcedores.

    E se colocar o Corinthians estipular o preço de R$ 300,00 na arquibancada e dar 90% de desconto para quem é Fiel Torcedor pode?

    Curtir

  16. Paulo Henrique S.C.C.P disse:

    Como comentei no último post e lá está bem definido quanto minha questão ao Ronaldinho, acho desnecessário comparar Ronaldinho e o vagal do Adriano com o Ronaldo. Como disse o Andrés: “existia um Corinthians ANTES de RONALDO e DEPOIS de RONALDO!” É, claro nunca comparando ao famoso ‘A.C e D.C’, com Cristo!

    Mas ao menos eu vi Ronaldo brilhar por aqui, como brilhou em todos os lugares (talvez no Milan não tivesse jogado à sua ‘altura’!) em 2009 e alguns bons jogos quando jogou em 2010 no centenário, aonde o próprio já todo ‘desgastado’ fisicamente, ainda jogava bem!

    Ronaldinho e Adriano não merece ser citado junto com Ronaldo! Não é ‘endeusando’ o cara, é por saber reconhecer que de fato o Ronaldo está a anos-luz – tanto pessoalmente, profissionalmente e historicamente – na frente dos próprios citados. Simples assim!

    Curtir

    • Ernesto de Minas disse:

      É isso aí Paulo. Da mesma ,maneira que vc concordou comigo logo abaixo. Com todo respeito, pois sou católico fervoroso: no Timão é a.R e d.R mesmo. Antis tentam desqualificar o Fenômeno porque jogou no Corinthians; mais um motivo para defendermos o melhor jogador de futebol de todos os tempos , Ronaldo Fenômeno.

      Curtir

    • Paulo disse:

      Amigos, sei da reverência que a maioria dos irmãos corinthianos têm pelo R-9, e, por isso, nem quero me estender muito na discussão. Fora de campo, acredito que ele tenha sido de grande valia, especialmente para recuperar nossa moral – que vinha baixa desde o rebaixamento de 2007. O fato, porém, é que ninguém, mas bota ninguém nisso, é maior que o Corinthians. E esse postulado, embora parece um truísmo o que vou dizer, pra mim tem valor absoluto, não é só discurso não ( muitos corinthianos arrotam isso mas aceitam barbaridades de jogadores e dirigentes ). R-9 cometeu uma heresia imperdoável, a meu ver, quando disse, depois da Copa do Brasil que ganhamos – inclusive com ajuda dele -, que “iria brincar no brasileiro”. Jogamos fora aquele campeonato, e o seguinte ( 2009/2010 – era pra sermos hexa, no mínimo ), e, também, duas Libertadores, para cujas perdas ele foi decisivo – inclusive, tese minha, impedindo que contratássemos um centroavante de qualidade, por causa do esquema de marketing em torno dele ( tínhamos que aguentar o Souza ). R-9 tem seu valor simbólico, mas, dentro de campo, seu custo-benefício foi, com muita boa vontade, sofrível. Inaugurou a época dos obesos no nosso time, e esse é seu pior legado – passamos a ser conhecidos como “spa de luxo” -, sinalizando, inclusive para alguns que lá se encontram, ainda, que toda gordura será perdoada. Abraços!

      Curtir

  17. Jo disse:

    douglas que emprestamos ao parana? com certeza vc nao deve estar acompanhando ele,, pior q o bobo

    Curtir

  18. Ernesto de Minas disse:

    Eu acho uma ofensa quando nós corinthianos citamos Ronaldo na mesma frase que citamos Adriano ou Gaúcho.
    É outro nivel gente. Tanto pessoal quanto, principalmente, técnico. Ronaldo é prá nós enchermos o peito e dizer: o Fenômeno, maior jogador de futebol de todos os tempos,é nosso! Ronaldo é prá discutirmos com os antis dizendo que foi melhor que Pelé e Maradona. Não podemos usar o nome “Ronaldo Fenômeno” em vão, com coisas pequenas como adrianos, gauchos e neimares da vida.

    Curtir

  19. otrebor disse:

    Douglas que esta no paraná ?
    Deixa sem centro avante mesmo ou põe um cone.

    Curtir

  20. Felipe disse:

    Uma das piores apostas da gestão Andrés foi trazer o Adriano. Comparar R10 e Adriano com Ronaldo foi e continua sendo um erro: o problema do Ronaldo sempre foi apenas físico; os outros dois têm problemas de comportamento. Um bom fisioterapeuta não resolve os problemas do R10, como não resolveu os problemas do Adriano.

    Curtir

  21. Randal disse:

    Pior do que o futebol perdido é a falta de posicionamento do rapaz.
    Ele não fala nada com nada e nunca assume qualquer coisa.
    Apenas sorri e dá declarações genéricas.
    Em suma: alguém sem personalidade jamais deveria envergar nossa camisa.
    Aguentamos em nossa história jogadores medíocres. Muitas vezes apenas esforçados.
    Mas definitivamente, sem personaliade, nunca

    Curtir

Amigo, faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: