Fim de linha para Zé Augusto

Zé Augusto não é mais treinador do Sub20 do Corinthians.

Na verdade, há algum tempo Zé Augusto havia deixado de ser unanimidade no Corinthians.

Um dia chamado de Zé Pequeno, pelo velho Vamp, pelo fato de não ter continuado no comando do time profissional, em 2007, quando comandou a equipe na vitória contra o Santos e depois, cedeu lugar a Nelsinho.

As últimas desclassificações da equipe comandada por Zé Augusto pesaram na decisão.

A semana foi de demissões nos departamentos de futebol de base de Corinthians e Bambis.

Na Ilha da Fantasia de Cotia, onde a grama é mais verde, o céu mais azul e o perfume das rosas exalam pelo ar, Juvenal 12 Anos detonou a estrutura de Cotia após derrotas para categorias de base do Corinthians.

Zé Augusto não seria o treinador da próxima Copa SP, que será comandada por Rodrigo Leitão.

 

 

 

 

 

Anúncios

10 Responses to Fim de linha para Zé Augusto

  1. Joaquim disse:

    Silvinho! O Corinthians gasta 20 milhões por ano com a base, segundo falaram na ESPN no jogo Corinthians X Avai. Certo que principallamente o Marquinhos, Giovani, Mateus Caldeira, Antonio Carlos, Anderson e Elias vão render muito mais que isso, porém se fosse melhor trabalhada revelaria muito mais jogadores. O Mário Gobbi, Duílio, Roberto de Andrade e Edu são pessoas honestas. Não vejo como desconfiar deles. Então o que acontece com a base que não é melhor trabalhada na minha opinião pelo potencial do Timão?

    Curtir

  2. Ernesto de Minas disse:

    Zé Augusto já vai tarde. Não revela porra nenhuma.

    Curtir

  3. Roberto disse:

    Mudaram o diretor da base , e tudo continua como dantes no reino de arantes…….
    Sera que falaram para o Alba que o gramado é diferente das piscinas?

    Curtir

  4. Rogério disse:

    Silvinho, será que o Zé Augusto é culpado? O Narciso foi culpado de alguma coisa quando foi demitido? Os substitutos são melhores que Zé Augusto e Narciso? É fácil jogar a culpa nestes treinadores, fazer com que paguem pela incompetência que não são deles. E na gerência, o facão não vai rolar? Quer dizer, os dirigentes da base são ótimos, ruins são os treinadores?

    E os bambis? Nossa, quando o Renê Simões foi contratado, veio aquela ladainha de clube diferenciado, fizeram até festa, e o cara não fica nem um ano, como isto se explica?

    O Renê é um ótimo profissional, porque não contratá-lo para gerenciar a base do Corinthians? O meu sonho era o Parreira, ambos seriam muito bem-vindos.

    Curtir

    • Blog do Silvinho disse:

      Particularmente, entendo que o tempo do Zé já havia passado

      Na Base tem muito aspone palpiteiro achando que manda em tudo, precisa ter mais gente comprometida com a bola

      Curtir

  5. Múcio rodolfo disse:

    Na verdade entre esta vitória sobre os Manjubinhas e a chegada do Nelsinho Batista houve uma série de derrotas que convenceram a diretoria de que a inexperiência do treinador poderia por tudo a perder (e o pior é que acabamos rebaixados do mesmo jeito).

    Curtir

  6. Luís Carlos disse:

    E enquanto isso, o não-treinador de goleiros é “imexível”… Se fosse figurante do filme do Chuck Norris ia morrer cameraman, diretor, maquiador e o próprio Chuck Norris e ele ia sair sem um arranhão…

    Curtir

Amigo, faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: