Pacta Corvina

abutres

Da Emissora São Paulina de Notícias:

Continua suspenso o dinheiro do patrocínio da Caixa Econômica Federal que deveria ser recebido pelo Corinthians. Um recurso apresentado pelo clube paulista foi negado pelo desembargador Cândido Leal Júnior nesta quarta-feira.

O acordo do Corinthians com a Caixa está suspenso desde que o advogado gaúcho Antonio Beiriz entrou na Justiça no último dia 28 de fevereiro contestando os motivos de um banco público investir dinheiro para patrocinar um clube de futebol.

A Caixa paga R$ 2,5 milhões mensais ao Corinthians para estampar sua marca no espaço principal da camisa do time.

“A Caixa ainda vai pedir ainda uma reconsideração, e vamos aguardar a decisão da Justiça”, disse aoESPN.com.br o diretor jurídico do Corinthians, Luis Bussab. Segundo ele, não existe previsão para que a Justiça se posicione sobre o caso. Enquanto isso o dinheiro vai sendo depositado em juízo.

 

Da Agência Estado

 

A liberação dos CIDs, certificados de incentivo fiscal da Prefeitura de São Paulo que vão ajudar na construção do Itaquerão, devem sair antes do empréstimo do BNDES, que está “travado” pela falta das garantias exigidas pelo Banco do Brasil. Pelo menos essa é a expectativa do Corinthians, que promete até paralisar as obras do estádio caso não receba o dinheiro nos próximos dias.

Segundo Andrés Sanchez, ex-presidente do Corinthians, que tem cuidado da construção do estádio, nessa primeira leva dos CIDs, o clube e a construtora Odebrecht devem ter acesso a R$ 156 milhões. “Alivia, mas não resolve o problema”, disse o dirigente corintiano. Ao todo, poderão ser requisitados até R$ 420 milhões por meio dessa linha de incentivo fiscal da Prefeitura de São Paulo.

O principal entrave para terminar o Itaquerão, que está com 67% das obras concluídas e será palco da abertura da Copa do Mundo de 2014, é a liberação por meio do Banco do Brasil do empréstimo do BNDES de R$ 400 milhões. Andrés Sanchez afirmou que espera pela liberação desse empréstimo no máximo até meados de abril para não paralisar a obra.

Caso o Banco do Brasil mantenha suas exigências para liberar o empréstimo e não aconteça nenhum acordo entre as partes envolvidas, o Corinthians e a Odebrecht podem procurar outro banco repassador para conseguir o financiamento do BNDES destinado aos estádios da Copa de 2014.

PATROCÍNIO – O pagamento da Caixa Econômica Federal ao Corinthians continua suspenso por meio de uma liminar da Justiça do Rio Grande do Sul. O caso vai a uma estância superior. Enquanto isso, o clube continua sem receber R$ 2,5 milhões por mês pelo espaço na camisa destinado ao patrocinador.

 

Anúncios

25 Responses to Pacta Corvina

  1. Claudio Marques disse:

    Parabéns Silvio, por juntar na foto os abutres da ESPN, da JP, da Gazeta, do R7, UOL, Folha SP, Lance, Estadão e Band. O abutre do blog não está na foto porque fede tanto que nem os outros abutres suportam.
    Olha lá tem um com cara de caipira metido a engraçadinho, tem outro que se acha tão engraçado que faz stand up, um terceiro com ar patético e tem dois que fingem estar chorando. E estão uns por cima dos outros o que prova o seu DNA bambi.
    Eu cuido do meu nariz e não dou audiência para essa raça!

    Curtir

  2. O Dani L disse:

    Não sei se faz sentido ou se cabe a ação mas creio que seria interessante se algum advogado entrasse com uma ação contra o Gremio referente ao valor liberado do BNDES na arena “deles”.

    Para quem não sabe, o BNDES tinha uma linha especifica de crédito para os estadios da copa. O Gremio conseguiu esse dinheiro mesmo não sendo um estadio sede da copa.

    Alguem tem mais detalhes sobre o financiamento que foi feito la e se caberia alguma medida sobre isso?

    Curtir

  3. Roberto_sccp disse:

    Tranquilidade total, se por algum motivo não puder ser mantido o contrato com a caixa, quem mais vai perder é a própria caixa, hoje ela paga 2,5 milhões por mês e é estampada em todo o país por vários veículos de comunicação. Acredito que o “patriota” que entrou com esta ação queira que a instituição, para ter a mesma exposição na mídia, gaste uns 30 milhões com tvs etc… Já o estádio, acho que se até o final deste mês não sair tudo, SP deveria ficar fora da copa é muito simples.

    Curtir

  4. vicente disse:

    Duas questões que serão resolvidas. A primeira sobre o patrocinio vai cair na Segunda Instância. Até parece que o Departamento Juridico da Caixa não tivesse verificado a constitucionalidade do Patrocínio antes de firmar o contrato. Quanto ao empréstimo do BNDES logo sai, porque seria uma perda politica terrivel São Paulo não ser abertura do Copa. O Andrés com sua entrevista quis apenas “acelerar” o processo. E outra, se a Odebrecht, que é uma das maiores construtoras do mundo,não tiver garantias reais a serem dadas então ninguém consegue um empréstimo. Algo que me chama atenção é a imprensa criticar o clube ao invés da burocracia na liberação por parte do Estado. Inversão total de valores.

    Curtir

    • O Dani L disse:

      Ai que ta. Sobre a Odebrecht. Ela esta construindo outros estadios da copa, entre eles o Maracana. Nesses outros estadios quais foram as garantias que ela deu? Por que nesses outros estadios ja foi liberado? Quem era o banco repassador nesses outros casos? Era o proprio BB.

      Curtir

  5. Celso 1° disse:

    Isso é a prova de que o que os antis fazem prejudica sim o clube.Muitos acham que é neura nós torcedores ficarmos nesse contra-golpe contra os antis, mas na verdade existe uma perseguição mesmo e eles, de vez em quando, conseguem nos atrapalhar, neste caso o dinheiro da caixa pode não sair por causa de um fdp anti .
    Isso sem falar em muitos outros casos, como aquele carnaval que fizeram depois do pênalti em R9, o que causou uma pressão enorme na arbitragem que no jogo seguinte nos ferrou em salvador dando aquele pênalti(bola na mão) inexistente do Ralf.

    Curtir

  6. O Dani L disse:

    Uma outra coisa que foi meio que esquecida. Era para ter sido entregue essa semana o relatorio final da Conmebol sobre o episodio da Bolivia. Nesse relatorio deveria estar detalhado cada uma das razões sobre as punições dada ao Corinthians. Dentre elas a de ficar 18 meses sem poder ter torcida fora.

    1. Alguem sabe se esse relatório ja foi entregue?
    2. Se ja foi entregue alguém sabe se o Corinthians ja tomou alguma medida referente a essa punição de 18 meses?

    Curtir

  7. Mario Csapo disse:

    Eusempre disse que esse comportamento dos abutres tinha algo que ia além de, vender notícia, aparecer, conseguir IBOPE… Como até Corinthianos dizem por aí.
    Eu sempre disse que o objetivo era trabalhar pro Corinthians não virar a potência que todos (principalmente a abutraiada), sabiam que poderia se tornar.
    Mas agora, bateu o desespero. Perceberam que não podem mais evitar. Mais cedo ou mais tarde, o Timão será, de fato, um time Europeu dentro do Brasil. Se já não for…

    Curtir

    • Celso 1° disse:

      Estão todos unidos contra o coringão, fazem de tudo para nos prejudicar e desmerecer as coisas boas que conquistamos

      Curtir

  8. Múcio Rodolfo disse:

    Eu só queria saber do seguinte: uma ação contra o patrociínio do Grêmio pelo Banrisul pode ser feito em qualquer lugar do país ou só pode ser feito em Rio Grande do Sul? Se for a segunda alternativa, a gente tem poucas chances de retaliação porque o juiz vai decidir com uma camisa de clube por debaixo da toga.

    Curtir

  9. Múcio Rodolfo disse:

    E isto tudo porque somos o “time do governo”…..Por falar nisso, estão planejando uma hiper-mega-ultra manifstação de protesto contra isso. É tanta imbeclidade que a gente acaba sem vontade de reagir.

    Curtir

  10. valdir disse:

    Eu só queria saber,pq até agora esse advogado de merda, não pediu a suspensão do patrocínio da caixa pro outros times!Eu só
    espero,que quando acabar isso,a diretoria do corinthians processe
    esse “adevogado” e esse juiz,por perdas e danos!E quanto ao
    estádio,essa história de empréstimo já encheu o saco e virou um
    prato cheio pra abutraiada!Uma hora é pq o SCCP tá pegando
    dinheiro publico,outra hora é pq vai ficar com uma divida impagável
    e aquele discurso repetitivo deles de escolas, creches,hospitais…
    Tudo que o SCCP faz parece que é ilegal,isso já encheu o saco!

    Curtir

  11. Luís Carlos disse:

    E os dirigentes do clube, em vez de baterem forte com as armas que possuem, continuam dando entrevistas e comparecendo às abutrícolas com aquele sorrisão de 180°.

    Não faz nem dois meses que um jornaleko mandou o Corinthians chupar em letras garrafais e o presidente do clube ainda dá entrevista exclusiva para premiá-los.

    Curtir

  12. Cesar disse:

    Com relação ao patrocínio: o Corinthians deveria entrar com um processo de perdas e danos contra o tal advogado, e fazer esse cretino pagar com juros todo o transtorno que esse mal caráter está causando ao clube, se possível deixá-lo na miséria absoluta.

    Com relação a BNDES: o Corinthians e a Odebretch não deveriam saber antes quais as garantias que seriam exigidas? Estranho isso…

    Curtir

  13. AndersonII disse:

    Simplesmente nojento tudo isso. E podem ter certeza, tudo porque é o Corinthians.
    O termo Itaquerão, hoje foi repetido nessa reportagem do estado, trossentas vezes, na Band, e no caralho a quatro.
    Bem colocada essa foto. Abutres.

    Curtir

  14. Rogério disse:

    Silvinho, essas duas novelas são passageiras. Logo tudo volta ao seu lugar. Quando o Corinthians assinou com a Caixa, ninguém se opôs. É óbvio que o clube não assinaria um contrato se houve algum tipo de impedimento. Essa questão do estádio, até onde eu sei, está pegando para todo mundo. Pra mim o BNDES está criando dificuldades para vender facilidades.

    Curtir

    • O Dani L disse:

      Na verdade o BNDES ja liberou o dinheiro. O travamento esta no banco repassador, no caso o BB. O BB que esta exigindo algumas garantias e não esta aceitando as garantias dadas pela Empreteira.

      O BB esta correto de exigir garantias de acordo com seus criterios. Restaria saber, exatamente, quais as garantias que a Empreteira esta dando.

      Nada me tira da cabeça que é a Empreteira que esta dificultando o processo. Eles devem ter dado garantias “fracas” para forçar o Corinthians a ceder a gestão da Arena.

      Curtir

    • Celso 1° disse:

      Ai é que ta… da gestão o corinthians não abre mão, pois sabe que este estádio será uma “mina de ouro”

      Curtir

  15. Recoba disse:

    Espero que o jurídico resolva logo esta questão, quanto ao estádio sabia que não seria tão fácil quanto parecia ser!

    Curtir

Amigo, faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: