Fair play dentro de campo. Mas fora de campo…

Do Globoesporte.com

O uso de sinalizadores por parte dos seus torcedores na final do Campeonato Paulista custou ao Corinthians um mando de campo e multa de R$ 30 mil. Mas o prejuízo da decisão, tomada na tarde desta segunda-feira pela Primeira Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP), pode ser ainda maior.

Na visão do advogado do Corinthians, João Zanforlin, a punição prejudica a imagem do clube no episódio dos 12 torcedores presos em Oruro desde a morte do garoto Kevin Espada, de 14 anos, ocorrida na partida contra o San Jose, pela Taça Libertadores, no dia 20 de fevereiro.

– O que ocorreu é péssimo para os corintianos que estão presos lá na Bolívia. Estamos batalhando pela liberação de todos e, com o que ocorreu na Vila Belmiro, foi passada uma imagem de que é normal o uso do sinalizador aqui também. Pior ainda é punir o clube por isso – disse Zanforlin, em conversa com o GLOBOESPORTE.COM.

A morte de Kevin fez com que o TJD-SP apresentasse uma resolução para coibir o uso de fogos de artifício nos estádios paulistas. A punição será cumprida no próximo Paulistão. Cabe recurso. O advogado espera uma posição da diretoria para dar sequência ao processo.

– Vou me reunir com o presidente Mário Gobbi e com o departamento jurídico para que essa questão seja analisada – comentou Zanforlin.

Relembre o caso na final do Paulista

Aos 40 minutos do segundo tempo do jogo de volta da decisão, em 19 de maio, quando o Corinthians empatou por 1 a 1 e assegurou o título, o árbitro Guilherme Ceretta de Lima paralisou a partida ‘devido à utilização de sinalizadores no local onde se encontravam os torcedores da equipe do Corinthians, sendo que três desses sinalizadores caíram no campo de jogo, próximo a meta defendida pela equipe do Santos’.

O episódio foi relatado na súmula, e o Corinthians acabou enquadrado no artigo 213-III do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê “deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir: lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo. Caso a desordem, invasão ou lançamento de objeto seja feito pela torcida da entidade adversária, tanto a entidade mandante como a entidade adversária serão puníveis, mas somente quando comprovado que também contribuíram para o fato”.

Diante da denúncia, João Zanforlin  tentou adiar o julgamento, sob a justificativa de que precisava de mais tempo para juntar provas, como relatórios do Ministério Público e do Jecrim (Juizado Especial Criminal) de que os responsáveis pela infração foram identificados e levados para a delegacia. O pedido, porém, foi negado, o que revoltou Zanforlin.

– Me privaram de fazer uma defesa completa. Por ser visitante, não tinha como o Corinthians ter o mínimo de controle do que aconteceu dentro do estádio. A Vila é do Santos, não do Corinthians. O que houve foi problema no policiamento, já que passaram mais de 50 sinalizadores na revista – disparou o advogado do Timão.

 

Comentários:

Pior que a punição, o fato em si é grave. Depois de tudo que aconteceu em Oruro, alguns torcedores deveriam ter refletido profundamente antes de tomar a iniciativa de adquirir sinalizadores, mesmo estes em tese inofensivos, para levar ao estádio.

A utilização destes artefatos está proibida e mesmo que alguns deles não fossem lançados ao gramado, o clube seria punido.

O problema é que, como em outros casos, somente o clube será punido. Os culpados, mais uma vez, não serão punidos.

Para as autoridades, punir o clube da torcida onde ocorreu o fato, parece suficiente. Identificar os culpados parece matéria difícil, complicada, mas sabemos que com os recursos da tecnologia, isto é factível. 

A Polícia Militar alega que os torcedores utilizaram de artimanhas para conseguirem entrar no estádio com estes artefatos, sem serem flagrados na revista realizada nos acessos, desta forma, burlando as leis.

De qualquer forma, mais uma vez o Corinthians pagará pela imbecilidade de alguns torcedores.

Lamentavelmente.

Anúncios

36 Responses to Fair play dentro de campo. Mas fora de campo…

  1. Luiz disse:

    Estamos permitindo que os que não gostam do futebol (dirigentes CBF, FPF, etc…) acabem com a forma de torcer que inspirou muitas pessoas acompanharem esse esporte.
    Cada um tem o direito de escolher a forma como torcer: em pé; sentado; comendo unha; pedindo pro treinador mudar o time desde 5 min. do primeiro tempo; narrando cada lance do jogo; acompanhando o jogo pelo celular (novo “torcedor de radinho”), etc… E a nossa nova casa Corinthiana deve buscar atender todos esses anseios.
    Não sou de organizada, mas a forma que me identifiquei de torcer para o Corinthians foi sempre no estádio próximo a elas, de pé, entoando as canções.
    Acabar com as TOs é acabar com grande parte da festa que orgulha tantos Corinthianos a torcer por esse time. Não existe TO mais importante ou melhor que outra, ou torcedor melhor que outro; mas se for pra ficar no estádio batendo palmas quando ocorrer um bom lance, prefiro ficar em casa.
    Além de punir os que teimam ser mais que os outros, as TO’s deveriam repensar dentre outras coisas:
    – ter 6 TOs entoando canções distintas durante o jogo é a melhor maneira de enaltecer o clube e apoiar o time em campo?
    – levar inúmeros bandeirões que enaltecem mais a TO que o próprio clube, tá certo? Não deveria ser contrário? Levar bandeirões que enalteçam o clube e sua história, com uma pequena “marca registrada” da TO.

    Curtir

    • Henrique disse:

      O Corinthians é o Time do Povo, e o novo estádio do Corinthians deve ser a nova Casa do Povo.

      Se assim não for, os responsáveis estarão negando a essência do corinthianismo.

      Curtir

  2. Mauro Oliveira Ben Yosef disse:

    Concordo que fomos sim prejudicados por verdadeiros imbecis. Mas o que esperar do país da impunidade ??? Parece até senso comum, mas não é, é a realidade, nada do que se faz de errado nesse país tem punição, seja em qualquer nível da sociedade, e quando tem, é apenas para mostrar que fizeram alguma coisa, como no caso da punição ao clube por exemplo, é enxugar gelo !!!

    Policia ??? Revista ?? Identificar os VERDADEIROS CULPADOS ???? AAAA deixa pra lá… já puniram alguém mesmo… achar os verdadeiros dá muito trabalho, e a gente tem aquela velha e boa preguiçaaaaaaaaaaaaa….

    Curtir

  3. Flávio Augusto disse:

    Acredito que o Corinthians poderia punir de alguma forma as organizadas que vacilarem durantes os jogos, independente da justiça desportiva (Conmebol, FPF, CBF) punirem ou não.
    A punição poderia ser através de nota oficial, videos com os jogadores reprovando e/ou recomendando certos tipos de atitudes nas arquibancadas, não disponibilização de ingressos em jogos mais apelativos e etc…

    Uma coisa é certa, si não houver uma medida paleativa ou punições educativas, o que seria o correto antes de uma punição mais rigorosa, existe a possibilidade (acho difícil) das organizadas perderem muito espaço dentro dos estádios.

    E a perda para o Corinthians (caso todas as organizadas do futebol brasileiro perderem espaço) será muito maior, pois bem sabemos da disposição que “nossas organizadas” tem pra jogar com o time. Estopim, Camisa 12, Pavilhão 9… e sobretudo Gaviões são o coração da mais Fiel e Louca das torcidas do planeta.

    O foda é 35 milhões levarem a culpa por causa de 20.

    Curtir

  4. JOÃO disse:

    O Corinthians acabou enquadrado no artigo 213-III do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê

    “deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir: lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo. Caso a desordem, invasão ou lançamento de objeto seja feito pela torcida da entidade adversária, tanto a entidade mandante como a entidade adversária serão puníveis, mas somente quando comprovado que também contribuíram para o fato”.

    ——————————————————————————

    OK.

    “deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir”
    COMO, NA CONDIÇÃO DE CLUBE VISITANTE?
    POR ACASO, É PERMITIDO AO CLUBE VISITANTE MONTAR SEGURANÇA PARTICULAR PARA REVISTA NA ENTRADA, OU DENTRO DO ESTÁDIO, PARA REPRIMIR?

    “Caso a desordem, invasão ou lançamento de objeto seja feito pela torcida da entidade adversária, tanto a entidade mandante como a entidade adversária serão puníveis”
    O SAN7OS, ENTIDADE MANDANTE, FOI PUNIDO COMO O CORINTHIANS?
    NÃO?
    POR QUE?

    “serão puníveis, mas somente quando comprovado que também contribuíram para o fato”
    FOI COMPROVADO QUE O CORINTHIANS CONTRIBUIU PARA A SUA TORCIDA ENTRAR COM OS FOGOS?
    E CONTRIBUIU DE QUE JEITO?
    ENTREGOU OS FOGOS PARA A TORCIDA FORA DO ESTÁDIO?
    OS JOGADORES ENTRARAM COM OS FOGOS ESCONDIDOS NO CALÇÃO E, A CADA ESCANTEIO, REPASSARAM PARA A TORCIDA?

    CONCLUSÃO:

    PATIFARIA DAS GROSSAS CONTRA O CORINTHIANS!

    E TEM OTÁRIO DORMINDO NO BARULHO DOS INIMIGOS E CULPANDO A TORCIDA POR ESSA PUNIÇÃO SEM PÉ NEM CABEÇA…

    SE LIGA AÍ!

    Curtir

    • Blog do Silvinho disse:

      Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa

      É fato que o clube mandante tambem deveria ser punido

      Mas isso isenta a irresponsabilidade dos acéfalos ?

      Curtir

    • Flávio Augusto disse:

      Concordo com a o observação de João, si tanto o clube visitante quanto o dono do mando fossem punidos de forma exemplar, e após a punição a confederação ou federação emitissem nota pros clubes participantes com o teor da punição (fato desnecessário diante da divulgação da mídia, porém protocolar) acredito que a segurança seria mais dura em todos os jogos.

      Curtir

  5. Múcio Rodolfo disse:

    Eu sei que o juizão teve o pretexto que precisava para prolongar o máximo possível aquela partida. E se os manjubinhas fizessem o segundo gol nos acréscimos?

    Curtir

  6. Fernando D. disse:

    Pra variar os bandidos organizados…
    Tem que cortar laços definitivamente com essa escória!

    Curtir

    • Blog do Silvinho disse:

      Mas muito cuidado na genreralização

      Curtir

      • Fernando D. disse:

        Silvinho, honestamente falando, a exceção do público que frequenta as TOs são as “pessoas de bem”.
        Eu, particularmente, cansei de ver corinthiano sendo roubado por esses imbecis que são muito machos em bando, mas que arregam quando sós.
        Um dos motivos para não frequentar mais o Pacaembu é a presença dessa escória.
        Dou meu dinheiro pro Corinthians de outras formas (já comprei ingresso e não fui, tenho mais de 40 camisas oficiais, pago o PPV e pagava o Fiel Torcedor), diferente dessa escória que compra ingresso (quando compra, ainda compra como “estudante”) e que compra aquela camisa escrota de urubu que usa o nosso símbolo sem pagar 1 real sequer por isso, tal como faz o camelô do Bras.

        Curtir

  7. Infelizmente a coisa caminha pra uma situação em que vai chegar a hora em que os clubes vão ter que decidir se querem 4 pessoas no estadio (familia) ou se querem 1 só (torcedor organizado)

    Curtir

    • Blog do Silvinho disse:

      Na verdade, até 2014 o organizado na forma como se apresenta no estádio, com faixas, batuques, bandeiras, etc, não mais existirão

      Curtir

  8. AndersonII disse:

    Já deu no saco esse assunto de organizada. Os caras não tem conserto, e fim de papo.
    São assim mesmo, e temos que engolir prejuízos financeiros, prejuízos a imagem do clube, patrocinadores arredios a vincular a imagem de seus produtos a atos de vandalismo.
    Não tem jeito. Não existem machos para peitar esses caras, essa que é a verdade.
    Eles mandam mesmo, e são mais solidários aos seus simbolos do que aos simbolos do clube.
    Se fossem fieis mesmo, seus inumeros sócios, integrariam o programa de fiel torcedor do clube.
    Gostaria de saber, quantos deles estão no programa.
    Você tem como saber Silvio?

    Curtir

  9. Luís Carlos disse:

    “O problema é que, como em outros casos, somente o clube será punido. Os culpados, mais uma vez, não serão punidos.”

    A punição é da FPF e não da justiça. É uma punição administrativa. Nesse caso específico entendo que não caberia punição, pois o mando de campo não era do Corinthians, mas se o clube foi punido mesmo assim, deve ser porque há previsão no regulamento. E o clube aprovou o regulamento.

    Agora, se os “culpados” não são punidos pela FPF e pela justiça, não é por isso que precisam ficar totalmente impunes. Eles podem ser punidos se o clube quiser. O clube pode acionar na justiça cível os torcedores, ou a associação de torcedores que mandou os torcedores acenderem sinalizadores, cobrando o valor da multa, do prejuízo em jogar fora da cidade e mais alguns milhões de danos morais. No caso da Bolívia cabe o mesmo recurso. Não teve torcedor que queria dinheiro do Corinthians pela música “Bando de Loucos”? Não teve torcedor do Corinthians que queria dinheiro pelo ônibus do clube ter passado em cima da sua unha encravada? Por que o clube não pode reclamar seus direitos na justiça como todos fazem?

    O clube alguma vez na vida acionou judicialmente alguma torcida organizada?

    Se não, está agindo pior que a polícia e que a FPF, pois estes não perderam nada e não têm dinheiro dinheiro nem lucros cessantes nenhum a reclamar. Pelo contrário, dá até pra desconfiar que as torcidas organizadas do Corinthians estejam recebendo dinheiro da FPF para praticarem esses atos e darem-lhe pretexto para impor punições ao clube.

    E o clube ainda pode acabar com regalias tais como ingressos gratuitos; pagamentos de passagens, hospedagens e aluguéis de ônibus. Venda de ingressos fora dos planos sócio torcedor só para torcidas organizadas. Venda de ingressos em jogos fora do Pacaembu somente para torcidas organizadas.

    Curtir

  10. Magrão disse:

    Bando de retardado! São piores que criança, e enquanto o clube afinar e ficar culpando a polícia que não revistou direito esses marginais vão continuar prejudicando o time sei lá até quando. Não entendo como pode um clube do tamanho do Corinthians ficar sempre refém de meia dúzia de acéfalo.

    Curtir

  11. Ernesto de Minas disse:

    Pergunta de leigo. Fica muito caro para o Corinthians monitorar com câmeras o lugar destinado a esses 700 torcedores? Tendo a imagem entregar para a Policia Civil fazer a identificação dos “meliantes” ? Alô Dr. Mário Gobbi Filho, o senhor não é Delegado de Polícia ?

    Curtir

  12. Martelli disse:

    Mas esses caras são burros demais. Não chega o exemplo de Oruro e esse imbecis de organizadas continuam prejudicando o clube. Que o clube cobre o prejuízo e faça as organizadas pagarem e que pare de apoiar esses cretinos.

    Curtir

  13. Marcos disse:

    O Mano do Estadio97 fala algo que me parece correto!

    “No dias de jogos, parece que temos uma lei paralela.Onde você pode roubar, danificar Bens Publicos e até matar, que nada vai te acontecer.
    Agora, tente fazer isso nos dias que não tem jogos, ai é cadeia na certa!”

    Enquanto não mudarmos as leis, acho que isso infelismente vai continuar a acontecer.
    Se o cara sabe que vai para a cadeia, se cometer qualquer crime, ele vai pensar duas vezes!!

    Curtir

  14. Marcos disse:

    Como seria legal, ver a nossa Meca, só com Corinthianos “desorganizados” e suas familias!!

    Chega de torcidas organizadas e seus socios que só fazem e trazem o mal para o nosso Coringão!!

    Curtir

  15. Jeferson José disse:

    na vila belmiro tinha menos de 1.000 torcedores corinthianos, portanto fica fácil pra direção do clube cobrar das organizadas que foram ao estádio o nome de cada um…..a partir disso, se o clube realmente se sentir lesado, encaminhar a federação o nome de todos eles, para os reais culpados pagarem por este ato.

    mais uma vez esses “torcedores” estão prejudicando o time.

    Curtir

  16. Roberto_sccp disse:

    Lamentável o comportamento de alguns torcedores, quem faz isso deve ser proibido de entrar no estádio.Punir quem pratica o ato é a solução.

    Curtir

Amigo, faça seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: